Ex-vocalista do In Flames tem reivindicado créditos autorais há mais de 10 anos

21 Nov 2014

por Gisela Cardoso

 

Henke Forss, que cantou no EP "Subterranean" (1995) do In Flames, diz que ele "tem tentado reivindicar seus direitos pelas músicas que ele co-escreveu para a banda por mais de 10 anos", mas sem muito sucesso.  

 

Em uma recente entrevista ao EMP Rock Invasion, na Alemanha, o guitarrista Björn Gelotte declarou que Forss já havia se queixado publicamente por não ter recebido o crédito apropriado por seu trabalho em "Subterranean". 

 

 "Coisas como estas acontecem o tempo todo. Porque, no passado, o In Flames não era realmente uma banda, e sim mais um projeto. Se você conhece a nossa história, sabe que nós tivemos um monte de vocalistas diferentes. Mikael [Stanne], do Dark Tranquillity, foi um deles, e Henke Forss, eu não sei de onde ele veio, mas era um outro vocalista. E Anders [Fridén, atual vocalista do In Flames] estava no Dark Tranquillity naquela época. Por isso, tudo isso foi um grande circo inato, basicamente, em Gotemburgo. E assim, os membros vêm e vão, e algumas pessoas estão contentes com o que eles fizeram, e algumas não. É interessante [que Henke seguiria em frente, 20 anos depois, com essas alegações]. Se ele fez isso é o tipo de ... Eu não sei". 

 

Após a entrevista ao EMP Rock Invasion com Gelotte, divulgada pelo Blabbermouth.net, Forss entrou em contato com o site para responder aos comentários de Björn, e esclarecer a sua posição sobre o assunto. Henke disse: "Eu não estou surpreso que Björn não consiga perceber de cima de seu grande cavalo que eu venho tentando reivindicar meus direitos pelas músicas que eu co-escrevi há mais de 10 anos". 

 

"Devido à ineficiência CEOs da gravadora, enganando várias pessoas, nada realmente aconteceu até agora, quando eu vi que o In Flames, mais uma vez, fez um re-lançamento do 'Subterranean".

 

"Qualquer um no negócio da música é consciente de que quatro músicas de death metal (que, no meu caso, eu as co-escrevi) não farão qualquer diferença financeira em minha vida. Isso só se resume ao certo e errado. E eu tenho tentado, como já disse, há muitos anos em uma série direta.

 

"Não é nenhum grande segredo que os ex-membros originais do In Flames lutaram por mais de 10 anos para obter os seus direitos". 

 

Originalmente disponibilizado em 1995 através da Wrong Again Records, antes de ser reeditado pela Regain Records em 2003, "Subterranean" foi o segundo lançamento do In Flames. 

 

A versão mais recente de "Subterranean" trouxe versões cover de "Eye Of The Beholder", do Metallica, e "Murders In The Rue Morgue", do Iron Maiden, como faixas bônus. 

Please reload

DEstaque

Sharyot lança o single "Stained Heart"

January 22, 2020

1/10
Please reload

Últimas notícias
Please reload

Arquivo
Please reload

© 2014 Design by 

  • Facebook Classic